LinkedIn Portugal Murad WebMail Contato Portugal Vilela Almeida Behrens - Direito de Negócios +55 31 3506-8200
5. jul. 2017

Estruturas de Fundos de Investimento: alternativas para o planejamento patrimonial e sucessório de empresas médias

No ultimo dia 05 de julho o Portugal Vilela – Direito de Negócios promoveu Café da Manhã para discutir as estruturas de fundos de investimento que podem ser utilizadas para realizar um planejamento patrimonial e sucessório.

Bernardo Portugal, sócio de Portugal Vilela e Daniela Ladeira – sócia da REAG Investimentos discutiram com os participantes sobre as vantagens e benefícios de se instituir, por exemplo, um Fundo de Investimento imobiliário “FII´s’”, para gerir os imóveis das famílias, o que pode ensejar uma economia tributária significativa;

Outro ponto abordado foi a criação de Fundos de Investimento em Participações – “FIP´s”, que podem fazer as vezes de uma “Holding” exercendo o controle das empresas operacionais do grupo econômico com bastante segurança jurídica e assegurando às famílias a possibilidade de aplicar, na sua regulação, os acordos de cotistas que desejarem. Falou-se ainda dos Fundos de Investimento Multimercado – ‘FIM´s”, que são uma alternativa para as transações financeiras, dentro do mesmo grupo, de modo a permitir também uma melhor equação financeira e tributária;

Daniela Ladeira comentou ainda da eficiência das estruturas discutidas, enfatizando o fato de poderem ser absolutamente customizadas, visando à personalização à realidade de cada família,permitindo inclusive que, em um grupo multifamiliar, se estruture em um FIP para cada uma, com as suas regras específicas. Bernardo Portugal enfatizou o efeito da utilização destas estruturas no aperfeiçoamento da governança corporativa, desmitificando a ideia de que Fundos de Investimento não possam ser usados no planejamento patrimonial e sucessório de empresas médias.

Entre os participantes, alguns deixaram um pequeno testemunho sobre as discussões:

Marcos Nanneti, Sócio da EAC INFORMÁTICA, avaliou como “bastante interessantes as soluções para proteger e perenizar o patrimônio, incluindo muitas informações que eu não tinha conhecimento”. Já Henrique Madureira, Diretor da Samba Hotéis, entendeu que os temas foram “bem relevantes e necessários para os convidados, com explicação rápida e prática dos assuntos abordados. E Murilo Taranto concluiu “Foi além da minha expectativa!”

Um debate aberto sobre temas de interesse sempre permite uma troca de experiências que enriquece a todos.